Algumas Curiosidades sobre o filme ‘O Poderoso Chefão’(Nostalgia Geek #4)

Bem Vindos Geeks a mais um Nostalgia Geek. o Poderoso Chefão ,a “menina dos olhos” de Ford Coppola, é indiscutivelmente um clássico do cinema. Filmado no início da década de 70, o filme contava a história de uma família poderosa da máfia, coordenada pelo personagem principal: Vito Corleone (Marlon Brando).
A história é cheia de tiroteios de gangsters, brigas e rivalidade, mas, pra falar a verdade, por trás das câmeras havia tanta ação como na frente dela, com mafiosos reais no set, ameaças de morte enviadas para os produtores, e outros mistérios que talvez tenham sido elementos chave para que o filme passasse uma sensação tão autêntica.
Então, sem mais delongas, aqui estão as sete histórias mais incríveis por trás do making of do clássico ‘O Poderoso Chefão‘!

1. A cabeça do cavalo era real!

Em uma das muitas cenas memoráveis no filme, o personagem Jack Wolz acorda em sua cama pela manhã e encontra uma cabeça recém arrancada do corpo de um cavalo, toda cheia de sangue.
O que acontece, é que Coppola tinha dito que arranjariam uma cabeça de cavalo falsa para usar na cena, porém, no último minuto, a produção conseguiu uma cabeça real, através de uma fábrica de alimentos para cães (
vai saber o que o seu cachorro come). Então, pode se dizer que a reação de medo/nojo/repulsa do ator John Marley foi real!

2. Alguns atores do elenco eram gangsters na vida real!

Gary Fredrickson, produtor associado do filme, afirmou que o ator Lenny Montana, ator que interpretou Luca Brasi (o carinha da foto), confessou a ele que já havia trabalhado como guarda-costas da mafia! Bem, não haveria melhor ator para este papel, né?

3. Marlon Brando usou enchimento nas bochechas!

Ao contrário de Carlos Villagrán, Marlon Brando não tinha a habilidade de encher as bochechas de ar e interpretar incansavelmente um personagem por horas.
O ator utilizou um artifício curioso: Um aparato parecido com uma mandíbula esquisita, que era usada para preencher as bochechas, dando-lhe um aspecto de ‘Bulldog do mal’.
Até hoje, o aparato está exposto em um museu de Nova York!

4. A equipe teve cerca de um milhão em equipamentos roubados!

A Liga dos Direitos Civis Ítalo-americanos protestou ferozmente contra a produção do filme, liderado pelo ex assassino Joseph Colombo. Embora os protestos tenham começado pacificamente, não demorou muito para que táticas de intimidação fossem colocadas em prática. Gianni Russo, ator que interpretou Carlo Rizzi, tinha uma história bem interessante para contar:
” [A família Colombo] tinha idiotas em torno deles que fariam qualquer coisa. Francis [Ford Coppola] foi para Little Italy para fazer alguns testes antes de filmar uma cena. Eles foram almoçar e quando voltaram o caminhão com equipamentos tinha sumido. Era cerca de um milhão de dólares em equipamento”

5. Os produtores executivos receberam ameaças de morte!

Um dos grandes executivos da Paramount, Robert Evans, estava tranquilamente em seu quarto de hotel, juntamente com sua esposa, Ali McGraw, e seu filho Joshua, quando, de repente, recebeu um telefonema inesperado. A voz misteriosa so outro lado teria dito a ele:
Nós não queremos quebrar o seu lindo rostinho, prejudicar o seu recém-nascido. Vá embora da porra da cidade. Não faça nenhum filme sobre ‘a família’ aqui. Entendeu?
Bem, produzir um filme sobre uma família engajada na máfia, no início da década de 70 tinha os seus riscos, né?

6. O cachê do Al Pacino aumentou em 1500%!

Um ator relativamente desconhecido na época, Al Pacino recebeu um miserável cachê de U$35 mil para o seu papel de Michael Corleone. Mas depois do sucesso do filme, sua carreira disparou, e o cachê foi junto. Para participar de ‘O Poderoso Chefão: Parte II”, o ator exigiu um cachê de U$600 mil!

7. A primeira exibição do filme criou um colapso no abastecimento de água de NY!

Esta é talvez uma das curiosidades mais esquisitas sobre o filme. Sua primeira exibição na TV aconteceu entre 21h e 23h, o que não era esperado, é que logo após o término da exibição, uma grande parte da população de Nova York fosse usar o banheiro! É isto mesmo, parece que o pessoal segurou o xixi até o último minuto do filme! Pô NBC, será que não podia rolar pelo menos um comercialzinho pra galera aliviar?

Créditos: Maldita Insonia 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.